Menu de acessibilidade. Ao pressionar a tecla tab você navegará pelos atalhos que permitem acessar áreas do site. Acessar conteúdo principal; Acessar formulário de pesquisa. Acessar mapa do site.

Produtividade do Ministério Público manteve-se elevada durante o mês de julho

Atualizado em 12/08/2020 10:01

O Relatório produzido mensalmente pela Corregedoria-Geral do Ministério Público, que contabiliza o quantitativo de movimentações dos sistemas judicial e extrajudicial, demonstrou que a produtividade das atividades institucionais, no regime de teletrabalho, manteve-se elevada no mês de julho. Foram 34.240 movimentações durante o mês de julho, praticamente o mesmo número em relação ao mês anterior.


As movimentações perante a primeira e segunda instância somaram 22.183, enquanto as atuações extrajudiciais ficaram em 961 registros. O quantitativo dos procedimentos judiciais é referente ao ajuizamento de ações, manifestações em processos, arquivamentos, ciências, pedidos de prisão, recursos e denúncias.


Destacaram-se também, neste período, os atendimentos realizados pelos canais da ouvidoria (telefone, e-mail, formulário eletrônico) que geraram 1.006 protocolos de atendimento. A Ouvidora Leila da Costa Vilela explicou que, devido à suspensão das atividades presenciais, decorrente da pandemia do coronavírus, a demanda da Ouvidoria aumentou consideravelmente. “A Ouvidoria conta com vários canais e, desde o início do isolamento social, colocamos à disposição do cidadão o telefone 127, para expandir os canais de comunicação com a instituição. Assim, continuamos prestando nosso serviço, com o cuidado de não expor a risco a saúde dos integrantes e de quem precisa do nosso apoio”, explicou.


As manifestações administrativas no âmbito do MPTO foram responsáveis pelo registro de 10.946 movimentações administrativas relativas a despachos diversos, portarias, ofícios, termos de apostilamento, atos conjuntos, dentre outros.  (Denise Soares)