Menu de acessibilidade. Ao pressionar a tecla tab você navegará pelos atalhos que permitem acessar áreas do site. Acessar conteúdo principal; Acessar formulário de pesquisa. Acessar mapa do site.

Entrega de cestas básicas do projeto Parceria Solidária chega a Palmas e contempla 390 famílias; doações já ultrapassam 12 toneladas

Atualizado em 22/05/2020 13:37

A distribuição de alimentos às famílias de baixa renda, promovida pelos integrantes do Ministério Público do Tocantins (MPTO) e do Tribunal de Justiça (TJ), por meio da campanha Parceria Solidária, chegou agora a Palmas, onde foram entregues 390 cestas básicas esta semana.


Na capital, as doações foram direcionadas a instituições que possuem cadastros de pessoas em vulnerabilidade social, sendo elas a Liga Feminina de Prevenção e Combate ao Câncer, Comitiva da Esperança e Unidos Por um Mundo Melhor, além da Casa de Recuperação de Paraíso, localizada naquele município.


A iniciativa tem por objetivo minimizar os impactos sociais decorrentes da pandemia de Covid-19, por meio do repasse de alimentos para pessoas em situação de vulnerabilidade. A ação abrange todas as regiões do Estado. Os recursos para o custeio decorrem de descontos no auxílio-alimentação de membros e servidores que autorizaram o débito, engajando-se na campanha.


A procuradora-geral de Justiça, Maria Cotinha Bezerra Pereira, destacou que este não é um projeto institucional, mas sim uma ação solidária movida por um grupo de pessoas. “Muita gente aderiu às doações e também se empenhou pessoalmente na campanha, fazendo o levantamento de preços de cada item da cesta básica, montando os kits e planejando as entregas, o que fez com que estes alimentos chegassem a milhares de famílias”, disse.


Adesão continua
A chefe do Ministério Público também informou que a campanha prosseguirá, com novas entregas, inclusive podendo haver o engajamento de membros e servidores do MPTO e do TJ que ainda não aderiram à iniciativa.


Entregas realizadas
A entrega de cestas básicas começou em maio e já contemplou também as comarcas de Almas, Araguacema, Araguatins, Arapoema, Arraias, Ananás, AUGUSTINÓPOLIS, Araguaína, Cristalândia, Colinas do Tocantins, Dianópolis, Filadélfia, Figueirópolis, Guaraí, Goiatins, Gurupi, Itacajá, Itaguatins, Miracema do Tocantins, Miranorte, Natividade, Novo Acordo, Palmeirópolis, Paraíso do Tocantins, Paranã, Peixe, Pedro Afonso, Porto Nacional, Ponte Alta do Tocantins, Pium, Tocantinópolis e Wanderlândia. 


Já haviam sido entregues 638 cestas básicas no interior do Estado, que, somadas às 390 entregues agora, totalizam 1.028 cestas básicas repassadas a igual número de famílias em situação de vulnerabilidade. As doações equivalem a 12 toneladas e 850 quilos de alimentos.


Apoios
A campanha Parceria Solidária conta com o apoio da Associação Tocantinense do Ministério Público (ATMP), Associação dos Servidores Administrativos do Ministério Público (Asamp), Sindicato dos Servidores do Ministério Público (Sindsempto), Associação dos Magistrados do Tocantins (Asmeto), Associação dos Servidores do Tribunal de Justiça (ASTJ) e Sindicato dos Oficiais de Justiça do Tocantins (Sindojus).