Menu de acessibilidade. Ao pressionar a tecla tab você navegará pelos atalhos que permitem acessar áreas do site. Acessar conteúdo principal; Acessar formulário de pesquisa. Acessar mapa do site.

12º Reunião Ordinária

Atualizado em 23/09/2019 10:23

Aconteceu nessa quinta-feira, 13 de junho de 2019, na sede do Ministério Público Estadual (MPE), a 12ª reunião ordinária do Fórum de Combate aos Impactos dos Agrotóxicos. A Reunião Ordinária discutiu sobre  a questão da logística reversa e sistema WEB para permitir acompanhar e divulgar as boas práticas da produção agroecológica e outras práticas sustentáveis.

A reunião contou com informes das ações de cada Comissão Temática, onde o representante da Adapec, Juliano Milhomem, destacou uma ação conjunta realizada em uma propriedade rural no Município de Talismã para verificação de pulverização aérea e terrestre. Carlos Cesar Barbosa, também representante da Adapec fez um alerta quanto à importância de se intensificar as fiscalizações nos frigoríficos e focar em ações com pecuaristas, uma vez que estes também utilizam agrotóxicos nas pastagens, havendo sérios riscos de contaminação animal por agrotóxico.

A representante da  SES-TO e  membro da comissão II, Maria Ruth, afirma tentar uma parceria com o Ministério da Saúde, Ministério da Agricultura e órgãos de fiscalização, porém tem encontrado dificuldades principalmente, uma vez que  o Ministério da Saúde não faz a regulamentação necessária quanto a estes produtos. .

Em relação ao objetivo “Criar sistema em ambiente WEB para permitir acompanhar e divulgar as boas práticas da produção agroecológica e outras práticas sustentáveis” a relatora da Comissão II informou que na 11ª RO do Fórum ficou definido que este objetivo seria desenvolvido por uma comissão temporária, com o apoio da Universidade Católica do Tocantins, IFTO e ULBRA. Por fim, a relatora Gisele Akemi, informou que deverá ocorrer sua substituição no Fórum e na Comissão Temática 2, pela Mônica Costa da SES-TO.