Menu de acessibilidade. Ao pressionar a tecla tab você navegará pelos atalhos que permitem acessar áreas do site. Acessar conteúdo principal, atalho ctrl shift 1. Acessar formulário de pesquisa, atalho ctrl shift 2. Acessar menu, atalho ctrl shift 3. Acessar mapa do site, atalho ctrl shift 4. Para voltar ao menu de acessibilidade tecle ctrl shift 0.
Acessibilidade Alto contraste
+
Tamanho de texto

Ctrl/Cmd + para aumentar

Ctrl/Cmd - para diminuir

Ctrl/cmd 0 para voltar ao padrão

Ministério Público do Estado do Tocantins

Destaque

Clenan Renaut de Melo Pereira - Perfil

Clenan Renaut de Melo Pereira nasceu em Tocantinópolis (TO) no ano de 1947. Especialista em Direito Processual Penal e Direito Administrativo, é graduado em Farmácia e Bioquímica pela Universidade Federal de Goiás (UFG) e em Direito pela Faculdade Anhanguera de Ciências Humanas.


Ingressou no Ministério Público do Estado do Tocantins em 1990, por meio do primeiro concurso para membro da Instituição. Foi o primeiro Promotor de Justiça a atuar na Comarca de Palmas. Também atuou nas comarcas de Araguacema, Ponte Alta, Itaguatins, Filadélfia e Porto Nacional.


Foi presidente da Associação Tocantinense do Ministério Público (ATMP), Diretor-Geral da Procuradoria-Geral de Justiça e coordenador dos Centros Integrados e do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional Ministério Público.


No ano de 2001, ascendeu ao cargo de Procurador de Justiça. No biênio 2005/2006, conduziu o Grupo Especial de Combate às Organizações Criminosas e, em 2007 e 2008, os Centros de Apoio Operacional às Promotorias das áreas do Meio Ambiente e do Consumidor.


Foi Subprocurador-Geral de Justiça nos biênios 2005/2006 e 2007/2008. Exerceu o cargo de Procurador-Geral de Justiça por dois mandatos consecutivos, nas gestões 2009/2010 e 2011/2012.


Em janeiro de 2013, foi eleito membro do Conselho Superior do Ministério Público, representando os Promotores de Justiça no órgão colegiado. Também ocupou o cargo de Corregedor-Geral do MPE no biênio 2013/2014.


Em seguida, Clenan Renaut foi eleito para o seu terceiro mandato como Procurador-Geral de Justiça (biênio 2015/2016), sendo reeleito na sequência para estar à frente do MPE na gestão 2017/2018.


Com isso, tornou-se o primeiro membro a comandar uma unidade do Ministério Público brasileiro por quatro gestões. Também notabilizou-se pelo trabalho de modernização do MPE, em especial no que se refere à estruturação física das promotorias de justiça do interior, à renovação do parque tecnológico, à valorização dos membros e servidores e à promoção da transparência na gestão.


Publicado em